Homem desaparece no mar ao tentar salvar esposa durante passeio de Catamarã no litoral de SP | Santos e Região

    0
    36

    Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

    .

    Um homem de 33 anos desapareceu no mar ao tentar salvar a esposa que se afogava, durante um passeio de Catamarã, na tarde de sábado (26), em Cananéia, região do Vale do Ribeira, no litoral de São Paulo. Segundo informações confirmadas ao G1, ambos foram levados pela correnteza, mas o homem a teria empurrado para fora da corrente marítima, a fim de salvá-la. As buscas por ele prosseguem neste domingo (27).

    De acordo com o Corpo de Bombeiros, a embarcação saiu da Ilha de Cananéia para fazer um passeio turístico e atracou na Baía de Trapandé, em um banco de areia, para que os ocupantes pudessem se banhar. O casal teria entrado no mar sem colete e acabou se afastando do grupo, caindo em uma correnteza.

    Em entrevista ao G1, um dos ocupantes do barco, Júlio Cesar Ferreira, de 41 anos, afirmou que o passeio turístico tinha aproximadamente 18 pessoas, sendo cerca de dez da mesma família do casal. “Ela começou a se afogar e o marido, tentando salvá-la, a empurrou e acabou se afogando”, conta.

    “Eu estava no catamarã junto com outro turista e um tripulante do barco. Avistamos a esposa da vítima pedindo socorro. Corremos do banco de areia até o local onde a mulher estava se afogando, mais ou menos uns 400 metros. A água bate mais ou menos no joelho”, diz Júlio.

    Depois que a mulher saiu da correnteza, ainda conforme os bombeiros, ela foi retirada da água com a ajuda dos ocupantes do barco. Já o marido, acabou afundando. Os bombeiros marítimos foram acionados e deram início as buscas subaquáticas, mas, até a última atualização dessa reportagem, o homem não havia sido encontrado.

    Em nota, a Prefeitura de Cananéia informou que a mulher chegou ao hospital da cidade com quadro de afogamento, mas consciente. Ela foi medicada, ficou em observação e foi liberada pouco depois. Ainda conforme a administração municipal, a mulher estava muito nervosa, pois o marido ainda não havia sido encontrado.

    VÍDEOS: mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias



    Fonte