O que são festoons malares?

0
687

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Da mesma forma, os festoons malares surgem como uma bolsa de pele abaixo dos olhos, numa junção entre a pálpebra inferior e a bochecha.

É, assim, um conjunto de dobras de pele, devido à frouxidão ligamentar, muscular e edema (inchaço) crônico em diferentes proporções.

Os festoons podem ser de grau leve, moderado ou severo.

O que causa o festoon?

Ainda não são totalmente claras as razões que levam ao enfraquecimento ligamentar e/ou muscular da região, mas acredita-se que sejam multifatoriais.

Por exemplo:

⁃razões genéticas;
⁃danos causados pelo sol;
⁃envelhecimento; e
⁃deficiente drenagem linfática.

Qual a prevenção?

Hábitos de vida saudáveis ajudam a prevenir a formação ou piora dos festoons já estabelecidos.

⁃ Evitar ingestão alcoólica.
⁃ Cessar o tabagismo.
⁃ Ter uma dieta equilibrada e com pouco sal.
⁃ Realizar atividade física.
⁃Ter boas noites de sono.
⁃ Evitar exposição solar.
⁃ Realizar drenagens linfáticas.

Quais são os tratamentos?

Por ser uma alteração com múltiplas causas, não possui um tratamento simples. Para cada alteração é necessária uma abordagem.

Existem várias abordagens cirúrgicas e não cirúrgicas para o tratamento.

Procedimentos:

⁃resurfacing a laser (laser CO2 e Erbium YAG);
⁃ultrassom microfocado;
⁃fios de PDO;
⁃radiofrequência
⁃preenchimento;
⁃skinbooster;
⁃microagulhamento; e
⁃abordagem cirúrgica.

E a indicação em conjunto ou de forma isolada pode ser benéfica para o paciente, desde que recomendada por um especialista, uma vez que um tratamento malfeito poderá piorar o caso.

*Tassiane Ortega Biomédica especialista em Estética – Tratamentos estéticos minimamente invasivos não cirúrgicos. Mesmo da SBBME.

 

 

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva de seus autores, não representando a opinião do veículo.
Fotografia da modelo: Freepik (<a href=”https://br.freepik.com/fotos-vetores-gratis/mulher”>Mulher foto criado por freepik – br.freepik.com</a>) . / Fotografia Tassiane Ortega – Aline Moraes.

Participe da comunidade 100fronteiras

Apoiando o jornalismo local, você valoriza a sua cidade, seu estado e a integração dos três países.

Nossa equipe está diariamente trazendo notícias da fronteira, apresentando novos lugares, histórias. Assinando você receberá conteúdos e promoções exclusivas.

Entre em nosso grupo do Whatsapp. Apoie a mídia local!

Nos encontramos lá, até mais!






Fonte